16 de fev de 2013

Primeiro Olhar - Cult



A estreia oficial acontece no dia 19 de fevereiro, mas como o episódio “vazou” na Internet, eu não podia deixar de dar uma conferida antecipadamente e vos dar a minha opinião!



Cult é a nova série da CW que estava sendo muito esperada, pelo menos por alguns, por se tratar de uma série dentro de uma série, ou seja, veríamos muitos lados nossos presentes, como fãs obcecados, pessoas procurando conexões entre episódios, procurando algo subliminar, procurando conexões em tudo que via, adorei a ideia da série, mas o piloto não foi tão bom assim.



Um dos grandes males de uma série novata é a expectativa que ela pode gerar no público. Se for feita uma divulgação excessiva e uma promessa de se tornar o novo hit do momento, pode decepcionar caso não apresente algo nada menos do que fantástico. No entanto, se a publicidade em torno da série for relativamente fraca, as pessoas podem não chegar a aguçar a curiosidade a ponto de conferir ao menos o episódio piloto. Esse é um dos dilemas que os canais de televisão encontram com as suas estreantes.

Cult soube dosar essa publicidade: foram liberadas poucas fotos, um trailer oficial e uma apresentação na Comic-Con de 2012. Mas quem disse que isso não foi suficiente para deixar alguns fãs ansiosos pela estreia? Confesso que eu fazia parte desse time!

O começo foi meio confuso, começamos assistindo a série do meio, somos apresentados a personagem principal da série Cult dentro da série, chamada Kelly Collins, uma detetive que investiga as atividades de Billy Grimm, depois de ter sua irmã e sobrinho sequestrados por um culto, este culto que pode ter como líder Billy Grimm, mas este culto parece sair da série também, porque alguns fanáticos pensam que não é só um programa de TV, na verdade é real.



Um desses fanáticos é Nate, irmão do personagem principal, Jeff (Alaric em The Vampire Diaries, um dos meus maiores medos era ver Matthew Davis e me lembrar do professor Alaric Saltzman, porém, felizmente, a atuação e o roteiro fizeram com que essa lembrança não ocorresse.), Nate passa boa parte do dia procurando descobrir todos os segredos da série Cult, e então ele descobre algo, mas antes que conte a alguém, ele procura seu irmão para avisá-lo que se algo acontecer com ele, para ele procurar uma mulher chamada Merriam, Nate lhe entrega um óculos 3D, nada demais né? É o que você pensa!




Jeff assiste um episódio de Cult e descobre um CD igual ao que Kelly acha em uma caixa na série junto com seu sobrinho, neste CD está várias imagens, então ele coloca o óculos 3D e vê espaços em branco, e a senha é a frase: "Essas coisas fogem de controle...", então o notebook é hackeado e aparecem todos os dados de Jeff na tela, e então a imagem de Billy Grimm aparece dizendo "Você é o próximo... Você é o próximo...", logo após isso o seu celular toca e ele descobre que seu irmão está vivo, e que não é para procurar por ele, e para ele sair dali o mais rápido possível, pois não era para ele ter colocado o CD.



No fim do episódio descobrimos que a policial que estava comandando o caso tem um símbolo igual ao do culto no braço, bem estranho né?! Também no fim, descobrimos que a garçonete da lanchonete dos fãs faz parte do culto, e ela até sequestra um roteirista que queria mudar a série Cult.

Um ponto positivo foi o brilho que Robert Knepper traz a cada cena. No pouco que vimos do programa Cult - o programa dentro da série - já pudemos nos sentir como um dos telespectadores de seu programa e comprar o antagonismo de Billy Grimm, tudo graças a Knepper.



O que também conspirou a favor de Cult foi o roteiro. Pouco sabíamos sobre a série antes de sua estreia e pouco ainda sabemos depois. Não considero isso ruim porque eu acho que esse é o trabalho de um episódio piloto: nos apresentar aos personagens e à história como um todo para que comecemos a bolar teorias sobre o que vai acontecer daqui pra frente. E foi exatamente o que aconteceu. Sabemos dos motivos de Skye para embarcar nessa investigação e o mais legal é que sabemos tanto quanto Jeff, afinal, nós também caímos de para-quedas no meio de todo esse mistério.


Adorei a temática, o fato de ser uma série sobre série é muito interessante e eu vou continuar acompanhando até sua renovação, espero. Se você ainda não viu Cult e gosta de um mistério, parecido com o que The Following vem apresentando, então Cult vai se encaixar muito bem na sua programação.

PONTOS A DESTACAR:

#Na minha opinião, aquele lance dos óculos 3D foi muito forçado;

#Cult foi escrita há alguns anos atrás, mas ao invés de CD do mal não poderiam ter usado um pen-drive ou algo do gênero? Os tempos são outros...as tecnologias evoluíram;

#Alguns cortes de cenas ainda precisam ser melhorados, assim como alguns acontecimentos meio clichês que poderiam ser mais bem trabalhados.

E vocês o que acharam do episódio piloto? Acham que tem pernas para andar para a frente? Comentem e não se esqueçam de nos curtir no Facebook.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...