24 de abr de 2013

Review - Defiance - S01E02 - Down in the Ground Where the Dead Men Go



E depois de uma estreia cansativa mais com muitas cenas de ação enfim temos o segundo episódio da série de ficção cientifica que veio para ficar....
No geral esse episódio foi mais tranquilo e com menos ação, destaque para abertura da série que foi muito boa, mais parece que deixou algo passar batido, talvez por não ter focado mais nos personagens. O episódio começa depois de 24 horas que a batalha Volge ocorreu e as implicações de uma fuga no meio dela.


Temos um Castithans que fugiu do confronto e assim continua fugindo pois sabe o que é reservado aos covardes de sua raça. Só que acaba sendo capturado e levado para ser purificado pela dor. E assim na ficção chegamos a um tema que é bem discutido atualmente, ate que ponto a cultura deve ser respeitada e quando ultrapassa a linha de mera crueldade?

Irisa, que não foi muito explorada no episódio, achou por bem interferir no ritual de sacrilégio, e acaba ganhando o reforço do guardião. Com certeza ela já teve alguma experiência ruim com o mesmo tipo de situação, basta lembrar das marcas em seu pulso, e que ela é muito mais na dela, e desde o começo não queria ajudar a cidade.

E para movimentar um pouco as coisas nada mais do que o homem misterioso voltar junto com a ex-prefeita e assim trazer Ben de volta a ativa, com um plano B para esvaziar a cidade. Dessa vez o plano é menos complexo, ir para os escombros de St Loius e detonar uma bomba em uma usina nuclear. Não foi o grande enfoque do episódio e acabou sendo ofuscado por todo o resto.

E quando digo resto estou tratando de Stahma ainda com seus planos de casar o filho com a Christie, embora pareça que estão querendo apressar as coisas demais com essa história de casamento e mal vemos o casal. Teve o dialogo de Nolan com Rafe McCawley relembrando antes da chegada dos aliens e por fim teve Amanda buscando por fim aos rituais mais arcaicos.

Pontos a Destacar:
-A morte de Ben foi muito mal feita, a arma nem travada estava e mesmo assim ele conseguiu fazer com que recebesse um tiro. Seria melhor se tivesse saltado de onde estavam. Pelo menos sabemos os seus motivos para ter ajudado os vilões.
- Provavelmente Irisa vai se culpar pela morte do Shtako, embora a morte dele ainda deva ser explicada.
- Episódio terminou com chave de ouro com a música Come as you are e a descoberta da joia por Rafe, e que provavelmente é a mesma que Birth e Nicolette estão a procura.

Um episódio nota 9 de uma série que ainda tem um pouco a melhorar principalmente quando se trata do enfoque e da capacidade dos grandes vilões. Acredito que a série um dia possa ultrapassar nomes fortes da ficção cientifica como Stargate, e para isso temos pelo menos mais duas temporadas.

E vocês o que acharam? Comentem...


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...