19 de abr de 2013

Review - Glee - S04E19 - Sweet Dreams


Depois do melhor episódio da série ter passado semana passada, o novo episódio de Glee veio falar sobre sonhos e novas possibilidades...
A primeira coisa que me veio na mente aos primeiros minutos desse episódio foram as seguintes palavras: "Putz, três narrações em off em um episódio? Esse deve ser um recorde!". Finn enfim conseguiu ir para algum lugar com pessoas que tem a sua idade, a faculdade de Lima, o que de certa forma foi uma escolha acertada para não trazer de volta muito cedo o casal Finchel. Só ainda não entendo como Puck se encaixa nisso tudo, se juntando ao amigo nas farras mais la no final resolveu ligar seu botão on e colocar ordem na cabeça do grandão! 

Indo para o Mchinley, temos a galera do grupo agindo de certa forma diferente depois de tudo pelo que passaram. Tina voltando a se diferenciar pelo estilo, Unique tomando drogas sob ajuda de Kitty e o pior de todos Sam fingindo ter um gêmeo. Fiquemos feliz que Kitty pelo jeito não andou mudando tanto devido ao incidente. Marley coitada andou querendo mostrar as músicas citadas no video de Shooting Star, mais ninguém deu muita atenção de inicio.

Will esteve rabugento e nenhum pouco aberto a opiniões dos garotos, coisa que ele nunca antes tinha realmente feito, ao ponto de ser grosseiro, se bem que o Sam mereceu. Ainda tentando entender se tudo foi por causa do que tinha acontecido, ou se tem alguma coisa a ver com o pedido inicialmente negado de desculpas de Finn.

Confesso que ate agora foi pura enrolação para não falar do melhor momento do episódio, obviamente estou falando da volta de Don't stop Believing, mais não posso falar da apresentação sem antes mencionar a volta de Shelby. Que foi dar um importante conselho para filha sobre sua audição e por que não aproveitar e cantar uma música. Foi legal ver que as duas ainda tem química para um dueto, embora a música tenha sido fraca.

Então eis que Rachel vai fazer seu teste e como escolha se arrisca com Don't Stop Beliving então tudo para, todo o resto se perde e fica esquecido pelas cenas seguintes não só da garota mais os seis originais, arrepiei com essa cena e me deslumbrei muito. Sem mais palavras do que foi o ápice do episódio.

Pontos a destacar:
- As músicas de Marley ate que conseguem cativar, embora no inicio da segunda não estava sentindo muito bem o que ela queria passar, e achei que iria ser um solo ruim da garota.
- Fichel no telefone foi legal, é so uma pena sabermos que nos últimos episódios não teremos mais do casal.
- Brittany no MIT? Essa vai ser a desculpa para ela desaparecer no inicio da próxima temporada?

Enfim esse oi mais um episódio de Glee, que leva uma nota oito estrelas, e que venha um final de temporada decente!

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...