30 de mai de 2013

Review - The Goodwin Games S01E02 - Welcome Home, Goodwins

Nenhum homem é uma ilha isolada. E por isso não perguntes, por quem os sinos dobram? Eles dobram por ti.
Eu estou começando a ficar assustado com o Sr. Goodwin. Velho foda, passa anos longe dos filhos planejando um jeito de trazê-los de volta à cidade para conseguir uma herança que ninguém sabe como ele mesmo conseguiu.

A tarefa que foi dada aos Goodwins desta vez foi a de cuidar uns dos outros, e cada um com seus problemas, acabaram esquecendo-se disso.

Chloe tenta recuperar seus amigos, o que - claramente - dá errado, já que todos na cidade a odeia. Henry fica invocado por Lucinda arrumar um namorado que ele acha não estar à altura de si próprio e Jimmy rouba uma loga para pagar Frankie Steamroler.

A partir da introdução dos problemas pessoais de cada um, começamos a ver os Goodwins como um bando de convencidos, embora eu tenha que admitir que este episódio foi melhor que o primeiro. Por isso, analisarei um problema de cada vez.

Chloe resolve falar com April sobre uma festa que ela está planejando, mas April recusa, pois na primeira Festa de Chloe Goodwin(anos atrás), Chloe bateu a porta na sua cara. Arrependida de tudo que fez, Chloe tenta convencer a cidade inteira que mudou, e convida todos a uma festa em sua casa, mas ninguém vai. Henry e Lucinda têm uma briga por causa de uma crise de Henry sobre Keith não estar a altura dele. Jimmy rouba uns esquis para pagar Frankie Steamroler.

O meio termo do episódio chega com a junção dos três problemas no bar da cidade. Enquanto Henry está tentando sair bem com a situação com Lucinda, JImmy tenta fugir de Keith em uma sequência épica de cidade pequena. Quando você faz merda e encontra com alguém, cedo ou tarde esse alguém aparece para te atormentar, e no caso de Jimmy, três pessoas voltaram para atormentá-lo.

Jimmy e Henry são salvos pela desgraça que foi a tentativa de Chloe de dar uma festa num bar, o que quase iniciou um incêndio. Os três Goodwins ficam separados e com seus problemas inacabados.

É aí que eu começo a arregalar os olhos e dizer: WHAT THE HELL?? O poema do Sr. Goodwin é colocado em ação e através dos sinos, os três Goodwins resolvem seus problemas de maneiras que me fizeram rir a beça, como passar queijo cremoso no cabelo, por exemplo.

Para encerrar o episódio, só mesmo um cliffhanger WTF? Alguém me diz, por favor:  QUEM É ELIJAH?!

Bom, é isso. The Goodwin Games vai ter uma jornada de sete episódios em sua primeira temporada, que provavelmente será a única devido aos números pífios que a série dá para a FOX. É uma divertida e rotineira. Se sairia muito bem numa CW, mas não tem vida na FOX.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...