1 de nov de 2013

Review - Pretty Little Liars S04E13 - Grave New World


Pretty Little Liars - vs - Ravenswood?

O especialíssimo e super aguardado episódio especial de Halloween foi ao ar no dia 22 de outubro, porém a expectativa de todos foi preenchida por cenas aleatórios (que podem vir a ser significativas, mas que no episódio foram completamente perdidas), roteiro confuso e lógicas sem sentido.

Esse episódio deveria mostrar os desdobramentos da grande descoberta do covil de -A no último episódio da summer season, mas, aparentemente, os produtores estavam mais interessados em tentar vender o spin-off da série (Ravenswood) que estreou no mesmo dia; pode-se ver claramente que a trama do episódio não estava focada nas Liars e sim na cidade em si, com se estivessem criando terreno para o que viria a seguir. Sendo eu fã de Pretty Little Liars, confesso que toda essa promoção forçada no meio de um episódio super aguardado me deixou não muito inclinada a assistir ao spin-off... Mas já que é Halloween, agiremos tal qual Jack Estripador e vamos por partes...

Começamos do ponto onde paramos no último episódio; espera, você não lembra o que aconteceu no final da summer finale? Não lembra de nada que aconteceu na summer season? Que tal ler a mega review da quarta temporada de Pretty Little Liars pra relembrar? Clique aqui

Ignorando o aviso da Sra. Grunwald que disse que Alisson não queria ser encontrada, as meninas invadem a festa a procura de pistas; Aria recebe uma ligação de Ezra e revela aonde elas estão mesmo após Spencer ter pedido o contrário, ao aparecer a imagem de Ezra temos a certeza de que ele era realmente a pessoa vestida de soldado com a máscar de gás, mas lembremos que em Pretty Little Liars nada é o que parece. Na festa conhecemos Luke, um dos personagens do Spin-off, mas que tem uma participação totalmente dispensável a parte de estar usando uma fantasia igual a de Ezra, essa parte do episódio é muito cansativa justamente por que nada acontece.

De repente as meninas veem uma red coat e imediatamente assumem que é Alisson, elas a seguem e acabam presas em um túnel após seguirem a amiga até um mausoléu. Um vento muito forte começa a soprar dentro do túnel e Hanna desaparece, sim, isso mesmo que você leu, ela desaparece no meio da ventania mesmo Aria jurando que estava de mãos dadas com ela. Continuando! Hanna aparece sozinha em outra parte do túnel cercada de ratos e encontra as palavras "Me ajude" escritas na parede em algo que parece ser sangue, ela sai correndo e acaba encontrando uma porta que leva a uma mansão e então vemos que, supostamente, Ezra a estava seguindo. Toda essa parte do túnel, me pareceu muito mal executada.

Enquanto isso, Caleb, que havia partido de ônibus para se encontrar com as garotas na cidade, conhece Miranda (também personagem do spin-off) e os dois sentem uma conexão imediata e se tornam amigos; ela, que também é órfã, está indo para Ravenswood encontrar um tio, seu único parente vivo. Ao chegarem em Ravenswood, os dois se separam e Caleb vai para o cemitério procurar as meninas.

Hanna continua perdida na mansão e acaba presa dentro de uma cabine telefônica, o vidro é fumê e ela não consegue ver o que se passa do lado de fora, porém, logo o rosto de Alisson fica nítido como se ela estivesse tentando ajudar a amiga, mas antes que isso acontece alguém agarra Ali pelo pescoço fazendo-a sumir mais uma vez. Logo luzes estranhas começam a se movimentar ao redor da cabine enquanto ouve a voz de Alisson chamando por ajuda. A liar começa a se desesperar quando alguém tenta abrir a cabine telefônica, seria a mesma pessoa que enforcou Alisson? Quando a porta se abre nos deparamos com Miranda; acontece que a casa onde Hanna estava era a casa do tio da garota.

Emily, Aria e Spencer conseguem achar a mansão também, mas logo Spencer se separa do grupo e acaba frente a frente com o homem na máscara de gás, os dois brigam e a liar consegue cortar a mão de seu agressor; isso pode ser uma pista para que possamos identificar -A nos próximos episódios. Aria e Emily quase tem suas cabeças decepadas por uma janela... Acredite se quiser.

Miranda ajuda Hanna a sair da mansão e elas se encontram com Caleb no cemitério, a Liar tenta achar a entrada para o túnel novamente, mas esta desaparece; Miranda então encontra um túmulo com seu nome e a premissa de Ravenswood está montada. Ainda na mansão, Emily, Aria e Spencer se encontram novamente e, ao ouvirem gritos de Alisson, entram em um quarto querendo encontrar a amiga, mas só o que veem é uma fita tocando em um gravador. A Sra. Grunwald aparece novamente e diz que uma das três já foi tocada por aquele que está perseguindo Alisson. Novamente todas as setas apontam para Ezra, mas eu preciso reforçar muito isso, nada é o que parece nesse seriado; às vezes os produtores nos deixam focados em uma coisa superficial enquanto o que realmente importa está rolando no fundo sem ninguém se dar conta.

Eu estava me perguntando qual ia ser a justificativa para Caleb ficar em Ravenswood... Bom, Hanna ficou com peninha de Miranda e pediu pro namorado ficar por lá pra cuidar dessa completa estranha que, se levarmos em conta a lógica de Pretty Little Liars, podia muito bem ser alguma associada de -A. Não fez o menor sentido, como várias coisas nesse episódio; o pior é que, no primeiro episódio de Ravenswood, Caleb e Miranda encontram um túmulo com o nome DELE! Faria muito mais sentido se ele tivesse ficado na cidade pra descobrir como diabos seu nome pode estar em túmulo se ele está vivo e não "ai fiquei com pena de você, nós temos uma história parecida... Vou largar toda a minha vida e ficar aqui contigo, completa estranha!", não convenceu..

As Liars então encontram Ezra que dá  uma desculpa esfarrapada dizendo que tinha ficado preocupado com Aria e resolveu ir atrás das meninas; como o pneu de Spencer está furado, as quatro voltam pra Rosewood com aquele que pode ser seu pior inimigo. E então o único momento que valeu a pena nesse episódio acontece... Alison aparece.

 Linda, loira e sem câmeras desfocadas ou borrões vermelhos, a catalizadora da série aparece para as amigas clara e nítida, mas ainda dizendo que não pode ficar, pois aquele de quem ela tem medo ainda não está atrás dela, mas que Hanna deveria se lembrar daquilo que ela lhe disse no hospital quando foi atropelada por Mona na primeira temporada. Ezra aparece para devolver o celular que Aria esqueceu em seu carro e Alisson some mais uma vez, quem reparar bem vai que Ezra está com uma das mãos no bolso do casaco, justamente a mão que Spencer cortou durante a briga; as meninas olham para ele como se estivessem desconfiando e o episódio acaba.

O QUE ALISSON DISSE PARA HANNA NO HOSPITAL: 1ª Temporada

Alison: “Você sentiu minha falta?”
Hanna: “Ali? Eles disseram que você estava morta.”
Alison: “É, eu ouvi isso também. Mas aqui estou.”
Hanna: “O que aconteceu com você?”
Alison: “É complicado, Hanna. É muito complicado. Pior do que algebra.”
Hanna: “O que aconteceu quando você saiu do celeiro? Todas queremos saber.”
Alison: “Vocês já sabem. As quatro combinadas... Vocês se lembram de mais coisas daquela noite do que pensam.”
Hanna: “Para onde você foi... Encontrar um garoto? Noel?”
Alison: “Noel? Por favor…”
Hanna: “Por favor, me conte a verdade.”
Alison: “Não vai fazer diferença, querida.”
Hanna: “Como você pode dizer isso?”
Alison: “Por que eu sei. Vocês acham que a verdade é uma bola reluzente de pureza? Vão em frente, tentem. Sejam honestas, vejam o que isso vai lhes trazer. Dizer a verdade para a pessoa errada é o que vai te fazer chegar onde eu estou. Acredite em mim... Você sempre vai se dar melhor uma boa mentira.”
Alison: “Preciso ir.”
Hanna: “Pra onde?”
Alison: “Eu estava com tanto medo que você morresse. Foi por isso que voltei. Eu não liguei para o perigo, eu precisava te ver... Sabe, eu tenho que fazer alguma coisa com a -A. Essa vaca está me irritando de verdade.”
Entãããooo.... Elas se lembram de mais coisas? Como eu disse, essa foi a parte realmente significativa do episódio, o resto foi só um grande bolo promocional.

MAS! Ainda tenho esperança em uma reviravolta fantástica e nesse quesito Pretty Little Liars nunca decepcionou.

A série agora só volta em janeiro. E vocês o que acham? Ravenswood mostrou que realmente vai ter uma pegada sobrenatural (assisti ao primeiro episódio e a trama é realmente bizarra) e pode ser que venha a ser uma boa séria, mas ainda tenho minhas dúvidas. Será que o spin-off vai ser uma concorrente ao invés de uma complementadora? Marlene King, produtora das duas séries, sempre quis botar as asinhas sobrenaturais de fora... Será que todo o foco agora vai ser voltado para a nova estreia? Só esperando janeiro pra saber.







0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...