12 de jan de 2014

Review - American Horror Story Coven - S03E10 - The Magical Delights Of Stevie Nicks


E American Horror Story Coven volta pra sua reta final da temporada!
Olá galera, primeiro quero me apresentar, meu nome é Yan Martins Angélico e sou o mais novo integrante do site pras suas felicidades(ou não), estarei aqui em primeiro momento fazendo as reviews de American Horror Story, Pretty Little Liars e Twisted, e dependendo do tempo que eu estiver disponível quem sabe faço outras, mas veremos. Quero agradecer a oportunidade ao Lucas de estar aqui  no Dominação Nerd e vamos ver o que rola, mas enfim, aos trabalhos.

Depois da pausa para as festividades de fim de ano, Coven retorna com o episódio 10 com a participação mais do que especial da grande cantora Stevie Nicks(com direito até de uma canção dela com um piano), a qual Misty é fã incondicional. Mas devo admitir que esse episódio não foi muito bom, AHS pode sim fazer muito melhor, e ouso dizer que esse foi o pior episódio da atual temporada ate o momento. Mesmo AHS fazendo o seu "pior", consegue ter um nível de qualidade incrível em alguns pontos como, fotografia que está sempre impecável, diálogos, e atuações.

Esse episódio só ressalta o quanto Ryan e sua equipe de roteiristas faz citações da cultura de Nova Orleans, da cultura voodoo, bruxaria, e dessa vez especificamente com o voodoo, trazendo o "ser maligno" dessa cultura, o Papa Legba. Gostei da introdução desse ser, eu mesmo não conheço muito essa cultura, e acho bem válido o terem utilizado como explicação da imortalidade de Marie. Quando explicam a história de Marie, da venda de sua alma, na hora já me veio a mente que Fiona ia querer alguma coisa assim, dito e feito, ela já mostrando mais sintomas de que seu câncer está piorando, invoca Papa Legba e pede um acordo com ele.

E assim se seguiu uma das melhores cenas do episódio, se não a melhor. Jessica Lange impecável em sua atuação, mesmo já na terceira temporada ela consegue me surpreender. Ela vai fechar o acordo e Papa Legba sente e diz que Fiona não tem alma e cancela o acordo, para tristeza dela, mas ela me surpreende e diz que vai matar todas ao invés de descobrir qual é a próxima Suprema, e aí chuta o balde pra qualquer redenção da personagem, prevejo mais um final decadente pra uma personagem da Jessica Lange.

Outra coisa a ressaltar é a interação nesse episódio entre Fiona e Marie, elas não são nem um pouco amigas(e deixam isso bem claro), mas na situação em que se encontram, sendo cercadas, precisam unir forças. E essa relação já teve a primeira vítima, a Nan. Sinceramente falando, não gostei da morte dela, aliás eu estava começando a gostar dela nesse episódio, mas como nessa temporada nem todo mundo morre mesmo, vamos aguardar pra ver o que acontece. Mas junto com Nan vai o único plot furado dessa temporada, a da vizinha religiosa, que ainda estou sem saber o motivo dele na série.

E outra que teoricamente foi dessa pra melhor é Misty. Pelos comentários que vejo ela é uma das queridinhas do público, nunca gostei dela o tanto quanto a maioria, porém estava começando a gostar. Desde o começo da temporada Madison era minha personagem favorita das jovens da mansão, sua personalidade "ácida" sempre me agradou e nesse episódio, depois de perceber que Fiona estava bajulando(manipulando) Misty com a visita de Stevie, ela começa a perceber que pode mesmo não ser a próxima Suprema. E a partir disso ela começa a agir pra ser a próxima Suprema, e ela prende Misty dentro de um caixão. Como já falei, vamos aguardar pra saber se Misty realmente morreu.

Deu até dó Cordélia nesse episódio, ela foi totalmente escorraçada pela mãe, e mãe é mãe né, mesmo quando se é Fiona Goode, rainha das bruxas.  É impressão minha ou Myrtle tava totalmente chapada nesse episódio?? O que foi aquela cena do ataque da Cordelia e ela tocando aquele instrumento estranho? Mas gostei, combinou muito bem o ataque de Cordelia com o som daquele instrumento. E não sei não se Cordélia é a verdadeira próxima Suprema, se for Zoe, todo mundo irá dizer que já sabia, até eu, mas se for Cordélia seria uma grata surpresa.

E falando em Zoe, ela foi apenas figuração nesse episódio, se sujeitou a ser coadjuvante de Nan na maioria das cenas, e o estranho é que alguns episódios atrás ela vinha sendo o centro das atenções, e nesse esteve bem sumida, não sei se isso é tática dos roteiristas pra alguma coisa maior que vem por aí, enfim saberemos em breve.

Enfim, AHS está numa temporada que divide o público, alguns não gostam e preferem o retorno de Asylum, e outros adoram. Eu vou dizer que estou no meio termo, eu gosto dessa temporada, e no começo ela tinha um grande potencial, e acredito que esse potencial ainda não foi totalmente alcançado. Coven não supera sua ótima antecessora Asylum, mas estamos falando de uma série que estava vindo de uma excelente segunda temporada, e eu realmente não esperava que Coven fosse melhor que Asylum, mas acho que esse final de temporada promete. 

PS1: Cadê Kyle??? Não apareceu em nenhuma cena o menino.
PS2: Lalaurie também não apareceu, quero a cabeça dela de volta.
PS3: Queenie realmente morreu?? Saberemos mais no próximo episódio segundo Ryan Murphy.

Audiência do Episódio: 3.49 milhões de espectadores e demo de 1.8

Comentem aí o que acharam do episódio, gostaram? E da minha review também, é a minha primeira vez! Abraços e ate a próxima!

2 comentários:

  1. Sua review ficou bem massa, e concordo com você em todos os pontos. Coven tem grande potencial, mas tá tendo uns furos muito grandes. O plot da vizinha não fazia sentido, e agora matando a Nan foi como se jogassem tudo no lixo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa obg, sim bem isso mesmo, com ela morrendo tudo vai para o lixo, mas espero que esse final seja muito bom. Abços

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...