6 de fev de 2014

Review - Agents of S.H.I.E.L.D. - S01E13 - T.R.A.C.K.S


Stan Lee e muito mais em um episódio de velocidade rápida.
Uma série para se manter nas alturas tem sempre que estar inovando em busca de  novas velhas formas de fazer as coisas ficarem interessantes. A forma como fizeram no episódio dessa semana de Agents não é novidade mas deixou o episódio delicioso e atiçou a curiosidade sobre o que tinha acontecido com cada membro da equipe.

Uma Viagem de trem que leva uma tecnologia que deverá chegar as mãos de Ian Quinn, a missão é se infiltrar no trem como meros viajantes e seguir a equipe responsável pelo pacote ate o vilão. O começo foi engraçado por justamente mostrar o contraste entre o que são acostumados a trabalharem disfarçados e os que não são, Jenna e sua história de ressentimento, Skye e seu aniversário de um mês de namoro. A cara de Coulson quando Jen fala em prostitutas é impagável, pena que mostraram de um angulo ruim! 


Então os problemas começam aparecer, Ward tem de lutar com uma agente, e pode-se observar seu cavalheirismo mesmo com adrenalina, não querendo acertar o rosto dela. Temos a conversa de Skye sobre 0-8-4 com Fitz, e tentamos entender o que aconteceu com o trem quando Coulson e Ward são jogados dele. E mais comédia com os dois marmanjos provando que não entendem nada da Holotable, e que sem os nerds por perto as vezes a vida fica bem complicada!

Outro momento interessante dos dois foi a conversa sobre o que esta acontecendo entre Ward e May, e a ameaça de Coulson foi interessante. E parece que a relação anda evoluindo mesmo que não estejam ficando juntos nesse sentido no avião. Espero que tenham muito cuidado ao tratar desse romance para não estragar a série. 

E assim temos prosseguimento ao episódio e descobrimos o que houve com Fitz-Simmons e Skye, inicialmente achei que eles tivessem parado o trem, e adoraria entender como que Skye e Fitz conseguiram seguir o grupo de carro se os dois estavam a pé. As cenas que se seguem são realmente boas e de muita angustia principalmente por parte de Skye, como não ter um tiro, acabou evando outro pelas costas. 

Outro ponto legal é sobre a origem de Deathlock, sua perna mecânica e como ele pensa. Acredito que vá vir a ser o guarda-costas do Clarividente ate o final da temporada. Enquanto isso a equipe sente os efeitos de ter Skye entre a vida e a morte, Fitz-Simmons se abraçando, Ward dando as mãos para May e Coulson pensativo. E ao que tudo indica deveremos saber mais sobre sua origem daqui para a frente e se ela realmente é uma 0-8-4.  O melhor episódio ate agora e só nos resta esperar até 04 de março para o episódio 14, enquanto isso fique com a promo dele e para saber tudo sobre a série curta Agents of SHIELD Brasil!




Observação: Participação mai do que especial de Stan Lee, que acaba tendo uma fala no episódio! Isso me lembrou o desenho Spider-Man Ultimate, ao qual Stan Lee é adicionado em vários episódio como zelador.


Obs2: A arma paralisante de Fitz ganhou uma versão granada, o que acredito ser a corrupção da S.H.I.E.L.D. que deve ser retratada no novo filme dos vingadores!

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...