27 de fev de 2014

Review - Intelligence - S01E08 - Delta Force


"-Qual é a primeira regra da Delta Force?
-Todos voltam pra casa!"

Nada como rever um velho melhor amigo, a menos que esse velho melhor amigo seja agora um assassino de aluguel e esteja contra o governo para o qual você trabalha. Pois é... é exatamente nessa situação que o Gabriel se encontra nesse episodio. Alias, adorei o momento Once Upon a Time, mostrando lembranças do Gabriel na guerra e o que esta acontecendo atualmente.

Após a morte de três candidatos da oposição na presidência da Bolívia, o Comando Cibernético, juntamente com a CIA são ordenados a proteger Javier Leon, outro candidato a presidência. E qual a nossa surpresa ao descobrir que o assassino dos três candidatos é ninguém menos do que o melhor amigo de Gabriel, Tenente John Norris, da Força Delta, que lutou com ele na Guerra.

A caminho da Bolívia, quando Riley pergunta a Gabriel sobre Norris, somos levados à Guerra pelas lembranças de Gabriel, e a principio eu realmente achei que o cara era legal. Então o Gabriel diz que eles não eram mais amigos e algo sobre má conduta. Quando eles se encontram com o tal Javier, a esposa dele e o irmão da esposa dele, Jameson – que teve grande destaque nesse episodio – os leva para um esconderijo antigo da CIA, enquanto Riley e Gabriel vão atrás de informações. No entanto, Norris, supostamente chegando primeiro, já matou o informante e uma bomba acaba explodindo – tão fofo o Gabriel e a Riley se preocupando um com outro - *-*

Fico me perguntando o que seria do Gabriel sem a Riley. Lá estava ela novamente, conversando com o Gabriel, que tinha certeza que havia perdido o Norris, quando sem querer ela resolve todo o problema. Mas já é tarde para avisar ao Jameson que o Norris sabe onde é o esconderijo, e assim o antigo amigo do Gabriel consegue invadir o esconderijo e acaba atingindo o Jameson. Adorei a Riley lutando consigo mesma para deixar o Gabriel ir atrás do Norris sozinho enquanto ela cuidava do Jameson.

Então descobrimos o porque de o Gabriel e o Norris deixaram de ser amigos, o cara não tinha muitos escrúpulos e estava disposto a matar inocentes, supostamente amparada pela regra número um da força delta “todo mundo volta pra casa”. No presente, Gabriel persegue Norris em uma verdadeira corrida de gato e rato, e eu realmente achei que se a Lillian soubesse aparatar ou se teletransportar de alguma forma, ela teria dado uma surra no Gabriel quando ele desligou a comunicação por satélite para ‘jogar justo’ com o Norris. Imprudência a parte, adorei ver o Norris tendo de aceitar a ajuda do Gabriel - que diferente do 'amigo' tem coração -  para sair do campo minado. E nossa, eu aqui, gritando pro Gabriel que o cara não prestava, quando ele baixou a guarda e o Norris acertou ele. Claro teve a reviravolta depois e o Norris apanhou um pouquinho. E foi nesse momento que eu pensei ‘espera, o que?’.
Sim, eu havia achado engraçado que na invasão ao esconderijo, foi a esposa do Javier a empunhar a arma, alegando que ele se alto acertaria com a arma, mas ai dizer que era ela quem queria matar o marido, não, eu não pensei que fosse ela. Mas era! E na verdade o Norris trabalhava para CIA e queria proteger o Javier da esposa e do irmão dela.

Em uma reviravolta nos fatos, tiros trocados e um pouco de confusão, Riley atinge Norris, que mata a esposa do Javier - tenso a mulher dizendo que preferia morrer a ajuda-lo a se aliar aos EUA seja lá para o que fosse - , e quando o irmão dela vai acertar o Gabriel é o Jameson quem salva o dia e mata o carinha. Encantador a forma com que o Gabriel apresenta a Riley ao Norris, e eu adorei quando o Jameson dá um soco na cara do Norris e diz “é agora estamos quites”.

Final ótimo com a Lillian sendo a Lillian e dando mais uma lição no diretor da CIA por sem querer omitir que já tinha um homem infiltrado para proteger o Javier. E claro, o Gabriel e a Riley tendo outro momento fofo juntos, ela já é tão de casa que ate a geladeira dele ela já abre, e ainda comenta que a cerveja acabou. Muito embora o bobo do Gabriel tenha dado um fora bem grande ao dizer que na briga, não havia ninguém melhor do que o Norris para ajuda-lo...
 
E para terminar, como não falar especificamente da Lillian, ela foi a melhor dando lição no diretor da CIA e tentando – afinal ela é a única que consegue – colocar o Gabriel na linha. Foi ótimo ele perguntando “Virei um assassino agora, você aperta um botão e eu mato alguém” e ela “É, na verdade eu aperto um botão e você mata alguém! Fui clara?!”
E também o Jameson, porque né, quando o moço entrou na área de tiro pra treinar eu demorei pra lembrar quem ele era, então, ele mereceu e fez por merecer o destaque no episodio. Foi ótimo ele atirando e depois socando o Norris.


Então é isso gente, espero que tenham aproveitado e ate a próxima *-*

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...