28 de jul de 2014

Review - Suits S04E06 - Litt the hell up



É necessário dizer: roteiristas de Suits, vocês estão de parabéns!

Fiquei apaixonada pelo cover de Crazy que tocou no flashback Rachel/Logan, por isso deixo o link da música aqui pra quem quiser ouvir enquanto lê a review.


Fiquei tonta com tanta reviravolta nesse episódio que precisei abrir um bloco de notas e anotar o que acontecia pra escrever essa review.hahaha

Toda vez que Mike é chamado na sala do Sidwell, dá um nervosinho, porque não tem como saber se é coisa boa ou ruim. No inicio do episódio, foi coisa boa, porque de acordo com o que Sidwell sabia, a negociação estava indo bem, e o Mike não teve a coragem de falar sobre a condição que Forstman havia imposto para o acordo.

Por mais que eu adore a relação Rachel e Mike (Michel? Rozane? Rake? esse ship tem nome?), não dá pra negar que a química entre Logan e a Rachel é bem intensa. Ela indo ao apartamento dele, como disse a Donna (claro que ela ia notar de cara que tinha alguma coisa de errado), já deu a impressão errada. Quando Logan foi se aproximando e disse pra ela mandar ele parar se quisesse, fiquei gritando mentalmente TELL HIM TO STOP, TELL HIM TO STOP!

Fora essa parte da vida dele, as coisas pareciam estar andando bem para o Mike. Logan foi chamando ao SEC para perturbar a relação entre advogado/cliente com o Harvey, Harvey descobre que Logan está sob pressão com o conselho da empresa do seu pai e diante disso Mike pede que Harvey convença Logan a fechar o acordo com a Gillies Indutries assegurada em sua posse, para a próxima reunião, onde Mike e Logan ficarão cara a cara.

O acordo estava praticamente fechado, mas Mike surge com uma nova condição (dica da Rachel 'Medrosa' Zane) de que Logan deixe a Pearson Specter como cliente e Sidwell volte. Cabe ao Harvey decidir. E ele escolheu quem? “Mike is my guy.” Foi bom ouvir isso...


Nesse meio tempo, Jessica pediu que Jeff revisasse o contrato daquelas ações compradas para ajudar nas negociações para o Logan para o caso de ter algum erro. Como Jeff se recusou a revisá-lo, coube ao Louis fazê-lo, e ele encontrou um erro que podia fazer a compra das ações ser inválida. E ao invés de seguir as ordens da Jessica, de conversar com o Harvey sobre o que fazer, ele segue o conselho da Katrina (má ideia Katrina) e as devolve sem nem pensar.

Quando Harvey foi até Forstman com uma proposta, ele descobre que as ações, que eram a única coisa que impedia Mike de conseguir a Gillies Industries, tinha voltado ao mercado e Forstman acabara de comprá-las. A negociação havia acabado. Mike tinha conseguido!

Para Harvey foi mais uma gota d’água que fez o copo da paciência com o Louis transbordar. As coisas não estavam dando certo pra o Louis de jeito nenhum. E é nessa hora que vemos aquele Louis que 'chutava a bunda' de todos os associados na firma. Ele usando a raiva para tentar ser melhor que o Harvey, tena convencer Forstman a vender as ações para Logan e assim que ele pudesse ‘roubar’ o cliente para si, fez Forstman gostar de poder humilhar Harvey ainda mais.



You just got LITT UP!
Mas nós sabemos que o que o Louis estava fazendo era tentar compensar os erros que havia cometido. E deu certo! Louis ouviu Harvey dizer: Charles Forstman got Litt the hell up!

Do outro lado, vimos tudo desmoronar para Mike. Ele descobrindo que Forstman lhe deu uma rasteira no acordo e ainda falou para Sidwell que ele seria cortado do negócio. Tudo caiu sobre a cabeça dele e Mike não foi apenas demitido, ele foi diminuído e humilhado. Vê-lo recolhendo suas coisas foi muito triste. E ele nem faz ideia da bomba que Rachel está prestes a jogar no seu colo.


O que será que acontece agora? Mike voltará a advogar? 
E a relação dele e da Rachel estará acabada mesmo depois que ela contar o que houve? 


Para estar atualizado sobre as novidades de Suits, curta a pagina Suits BRASIL

Um comentário:

  1. Mike volta a vender drogas!!! Hahaha certeza , zoaa

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...