1 de out de 2014

Review - The Blacklist - S2E02 - Monarch Douglas Bank


“Certifique-se que sua paixão não seja a sua doença” 

Devo confessar que precisei assistir algumas cenas mais de uma vez para conseguir entender tudo, mas no geral, foi mais um ótimo episódio de The Blacklist. A começar com o tema, de roubar um banco não pelo dinheiro, mas pelas informações contidas na mente de uma funcionária. Bem, vamos ao episódio então.

Logo no começo vemos um banco de Varsóvia sendo assaltado, nada de importante parecia estar
relacionado a isso. Então vemos o Red recebendo a Sr. Kaplen – serio, essa senhora me dá medo as vezes – para cuidar da sujeira que ele fez, ao mesmo tempo, um homem informa ao Red que o banco foi roubado, ele questiona o que foi levado e o homem fala que não muito, mas que sabem do que eles estavam atrás.

No momento seguinte, para acabar, ou não, com todas as minhas teorias, a Lizzi fala pro Red que confirmou que a filha dele ficou em prisão preventiva com a mãe por um tempo, mas que estava desaparecida a 7 anos. E para confirmar isso tudo, vemos a Jennifer – ex-esposa do Red – falando que machuca-la não afetaria o Red, que só estava escondida para proteger sua criança. Mas não sei não viu, o Red tem um carinho muito paterno pela Lizzi, mas, ela saberia se a filha fosse ela, não é, e o Red sempre fala de apenas uma filha, então, ou a Lizzi é outra filha, ou ela realmente não é filha dele, mas ai, quem é o pai dela e porque ele tem todo esse cuidado com ela?

Prosseguindo, a Lizzi leva o caso a força tarefa, contando que o Banco Monarch Douglas é o preferido dos bandidos, assim, ela e o Ressler vão para Varsóvia. Lá, eu achei muito estranho que o carinha tenha sido tão prestativo em colaborar com o FBI, em afirmar que haviam dado uma nota errada a imprensa e que sim, havia sido levado um tanto de dinheiro. No entanto, a procura de mais pistas, por meio de uma câmera de segurança da rua, Aran encontra os assaltantes, e o que há de estranho com eles, cinco homens entraram no banco, seis pessoas saíram, e é ai que eles conhecem Kaja Tomczak, a moça que foi sequestrada. No banco eles afirmam que ela foi pra casa se sentindo mal e que disponibilizarão o arquivo dela. Quando encontram a Van usada na fugo do banco. Não pude evitar de rir muito com a manche encontrada no banco da Van, a Lizzi dizendo que não era sangue e cheirando uma amostra quando o Ressler diz “Você sabe que as pessoas sentam ai” e em seguida o Red dizendo que era apenas recheio de um bolinho.

Mas é quando eles encontram a Kaja que vem a grande surpresa, ela não foi sequestrada, ela estava tentando fugir. Kaja, na verdade, tem memória fotográfica e decorou tudo sobre as contas de cada cofre do banco, assim, eles não precisavam de papel e ninguém poderia roubar suas informações. E com essa informação, conseguimos entender a preocupação de todos, incluindo do Berlin, que é um dos que tem dinheiro no banco e precisa dele agora. Falando em Berlin, vamos falar da ex-esposa do Red. Gente, a mulher foi muito inteligente, conseguiu uma distração, escondeu um pedaço de osso nas mãos, enganou o guarda que a prendia, enfiou o osso na cara dele, fugiu e ainda fingiu que tinha pulado a janela. Uma pena ela não ter ficado escondida por mais tempo e o Berlin ter pego ela de novo.

Eu simplesmente não acreditei quando aquele homem que estava com a Lizzi e o Ressler, bateu na Lizzi, como eu gritei pra ela espancar ele, mas acho que ele era mais forte que ela. E o Ressler lá, interrogando a Kaja sem ao menos notar a briga, até a Lizzi conseguir atirar no vidro e chamar atenção dele, que demorou um pouquinho pra reagir. Enfim, eles vão atrás dele, mas por algum motivo o deixam ir, até aquela agente do Mossad, Samar Navabi, ajuda-los. E é ai que fiquei confusa, pois na cena seguinte a Kaja está sangrando muito e o Ressler está tentando parar o sangramento, dizendo que ela foi atingida na fuga, mas a fuga nem apareceu... Enfim, depois de uma fuga bem complicada, e da ajudinha do Red, eles conseguem escapar, então o Red leva a Kaja e manda eles voltarem pra casa.

Claro que o Red tinha quintas intenções, e não só a Kaja, quanto ele e todos os dados contidos na mente da moça desaparecem. Mas a Lizzi, que está muito mais esperta, logo liga os fatos e descobre onde a cajá está. Enquanto isso Red conversa com Berlin, e conta a ele que transferiu todo o dinheiro para uma conta não rastreável, mas que devolve o dinheiro em troca da esposa. Quando o Berlin riu, e disse que depois de perseguir o Red pelo mundo todo sem sucesso, ele fez uma pequena conexão, Elizabeth Keen, e que era por causa dela que eles estavam lá, eu achei que ele ia mandar matar a esposa do Red, ai ele diz que vai fazer a troca e a Lizzi liga pro Red e diz que congelou todas as contas. Eu realmente pensei que ia dar tudo errado, mas fiquei feliz pelo Red ter conseguido salvar a esposa.
E para finalizarmos, temos um novo membro na força tarefa Samar Navabi, que parece estar bem
próxima do Red. E quem será o tal “amigo secreto” da Lizzi que o Red mencionou? E porque o Berlin está tão interessado na Lizzi?


Bem, por hoje é isso, espero que tenham gostado e até a próxima *-*

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...