28 de out de 2014

Review| Once Upon a Time – S04E05 – "Breaking Glass"


Discutindo  a relação. Ou quase isso.

Essa semana Once Upon a Time traz um episódio um pouco mais lento do que os que vinham sendo apresentados até agora. Porém a trama se desenvolveu bem aqui, trazendo um pouco das reais intenções da Snow Queen e também trabalhando melhor a relação entre Emma e Regina, rendendo cenas muito boas.

Através dos flashbacks, visitamos mais uma vez o passado de Emma. Através dessas memórias vimos  a jovem Swan, fugida do abrigo em que estava e tentando se virar para sobreviver, e nessa rota de fuga a garota acaba conhecendo Lily, com quem desenvolve uma grande amizade. Acontece que Lily esconde a verdade de Emma, fazendo parecer que ela também foi abandonada e fugiu do abrigo, e com essa revelação a garota perde totalmente a confiança da loira, que a deixa sozinha. Fica a dúvida  se os flashbacks foram apenas para estabelecer um paralelo com a relação de Emma e Regina no presente, ou se Lily retornará  em breve de alguma forma.


Durante o episódio vimos Emma tentando se reconectar a Regina, sem muito sucesso. O ressentimento de Regina é bastante plausível, afinal todas as vezes que ela chegou perto de alcançar a felicidade, esta foi tomada por outra pessoa, seja Cora, Snow ou Emma, mesmo que as duas últimas não tenham tido intenção, acabaram magoando a Queen. Apesar de poder optar pelo caminho mais fácil e desistir de Regina, Emma mostra que aprendeu sua lição no passado e resolve conversar com Regina, em uma cena bonita e bastante emocional.

Em uma virada imprevisível mas não improvável de acontecer, Regina acabou por perder seu grande aliado de tanto tempo. Depois de ser preso num espelho, ficar trancafiado num sanatório e depois ser preso novamente em um espelho, Sidney resolveu se rebelar contra sua rainha, que mais uma vez lhe negou a liberdade, assim ele se aliou a ninguém menos que a Snow Queen, levando Regina para uma emboscada, na qual a vilã conseguiu uma parte do que precisava para concretizar o seu plano.


O objetivo da Snow Queen ainda não está claro, mas as cartas começam a ser colocadas na mesa. Como já sabemos, ela possui uma relação com Emma, confirmada nesse episódio ao vermos que já foi mãe adotiva da Salvadora, e também com Elsa, mas ainda não sabemos porque e como ela aprendeu a aprendeu a apagar memórias. O espelho de Regina tem um papel importante nesse plano, uma vez que ela acabou por armazenar muita magia negra nele, e assim deve ser uma fonte de poder para a Snow Queen. Apesar de sua fala final, espero que o objetivo vá além de ter uma família que a ame, acho legal que OUAT valorize a família, mas chega de todo mundo ser parente e da motivação ser sempre família, ou a falta dela.

Vimos também um desenvolvimento para o plot da Snow. Como já era de se esperar, a maldição e a recente visita de Zelena acabaram traumatizando Snow, que não teve a chance de ver sua filha crescer e teve o segundo tirado de seus braços logo após o seu nascimento, assim ela não quer perder nem um segundo de vida do bebê Neal, vivendo em função dele. David percebeu que isso não é saudável e que ela precisa viver sua vida também, como Archie disse na semana passada, e insistiu para que Mary Margareth saísse a noite, o que acabou em uma "missão" que trouxe de volta um pouco de seu lado Snow.

PS: Elsa Badass, já chegou jogando a Snow Queen longe e mostrando quem manda na bagaça!
PS: Produtores, por favor expliquem que diabos Will Scarlet está fazendo em Storybrooke.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...