1 de dez de 2014

Review - Grimm – S04E06 – Highway of Tears

" Você não tem misericórdia, corta as cabeças das pessoas e as usa como coroa no pescoço."
No episódio passado todos os Grimmisters vibraram com a decisão de Juliette em fazer o feitiço de reversão que poderia trazer os poderes de Grimm de volta para Nick. 
Um dos motivos foi o ataque dos que não aceitam o casamento de Monroe e Rosalee.
Aliás Monroe está bravo pelo wolfsangel. Oficialmente organizações de sangue puro são criminosas, mas há os que acreditam que o casamento entre wesens diferentes é sacrilégio. 
Um acidente na estrada é provocado por wesens.
Enquanto isso na Áustria Vicktor autoriza que Adalind volte a conviver livremente pelo castelo desde que revele algumas informações dentre elas sobre Kelly Burkhardt. Tivemos também uma menção sobre Meisner. 
Será que poderemos ter uma possível volta do personagem?
 Como era de se esperar Juliette assumir a aparência de Adalind foi confuso, mais confuso ainda foi Nick ter que ir para cama com ela. 
Isso deixou confuso também Monroe, Rosalee e de tabela Trubel que já estava com complexo por ter que ajudá-lo sendo que ele quem tinha que ensiná-la sobre o mundo Grimm.
A sorte é que os efeitos do feitiço não duraram muito e Juliette voltou a ser ela mesma em pouco tempo, mas certas dores deixam "uma pulga atrás da orelha" e aquela dúvida sobre possíveis efeitos colaterais sobre essa transformação indesejada.
Ainda mais com a citação feita por Elizabeth com relação ao Chapéu de Bruxa como sendo um dos 37 originais Malleus Malleficarum pertencente ao Martelo das Bruxas, uma Época Cruel de seus Ancestrais e que ela nem sabe como Adalind conseguiu um desses.
Bem voltando aos wesen da vez, as investigações revelam que o acidente na estrada foi causado por um pedaço de pau com pregos, fabricado artesanalmente que remete há um caso bem familiar que Nick presenciou há 6 anos atrás onde houve dois desaparecidos. 
Investigando mais a fundo encontrou-se um pequeno boneco de lata e mais casos relacionados. 
A vice xerife Ferris ajuda Nick e Hank nas investigações. 
Seria ela um novo interesse amoroso para Hank?
Sem ter para onde ir Josh chega na casa de Nick. E pela lógica ele vai abraçar a causa Grimm. 
Acredito que até para sobreviver de agora em diante ele vai passar a aprender a ser um Grimm. 
E como já comentei, quando mais Grimm melhor, afinal Nick sozinho não dá conta.
Umas das coisas que aprecio em Grimm é a parte da descrição do wesen: "03/06/1893 Calcutá. Após seis semanas na favela encontrei o primeiro. Ele atacou. Mas cortei a garganta dele com minha adaga antes que ele me enforcasse com sua lónngua. Examinando melhor conclui que o Phansigar é um tipo de Skalengeck, não muito diferente do Dragão de Komodo, Aqui na India os Phansigars se escondem entre os Thugs o culto hindu de ladrões que estrangulam viajantes como sacrifício à deusa Kali. Mas descobri que eles sacrificam de um jeito único. Com suas línguas imundas sufocam suas vítimas. E essas pobres almas, sempre um casal jovem . São enterradas vivas. Essa prática maléfica deve ser feita a cada três anos para acalmar a Kali. Assinado por Rudyard Kipling autor do Livro da Selva."
Nick, Monroe e Hank vão ao ferro velho procurar pelos Phansigars e lá se deparam com a cerimônia para Kali.
Mas como nada é tão fácil assim, Nick começa a reagir à reversão do feitiço chamando atenção dos Phansigars. 
Acho que nunca esperei tanto por uma cena quanto essa. A cena que enfim Nick voltou a ser um Grimm. 
Não sei vocês Grimmisters, mas acho que ele voltou bem mais forte, o que acham?

Promo Próximo Episódio  Episode 4.07 - The Grimm Who Stole Christmas













0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...