14 de mar de 2015

Review| The Blacklist - S02E15 - The Major


"... Eu não sei como fazer isso Dembe."
"Sim, você sabe. Diga a verdade contando tudo a ela."

É isso ai Dembe, concordo com você em gênero, número e grau, conta tudo pra Lizzy de uma vez Red, seja lá o que esse 'tudo' queira dizer... Embora tenha havido muita reclamação sobre o episódio, sobre os flashebacks e a monotonia, mas eu realmente gostei muito. Foi uma forma de nos focar nas perguntas relevantes e no quão irreal a vida da Lizzy parece aos aos olhos dos outros.

Devido ao modelo diferenciado de episódio, acredito que a review também sairá um pouco diferente, quero dizer, a maior parte dos flashebacks não precisa ser comentada, e também, toda a conversa da Lizzy com o Juiz não pode ser detalhada, pois são cenas que só assistindo para sentir a emoção do momento. Quanto ao nome da Lista Negra, bem, o coitado foi jogado para escanteio, visto que as declarações da Lizzy, nesse momento, eram muito mais importantes que ele.

O episodio já teve inicio com um flasheback , e qual não foi minha surpresa ao notar que o menino correndo após roubar a bolsa da mulher, era na verdade o jovem Tom Keen, cujo verdadeiro nome é Jacob. E já que falamos em Tom, e estou escrevendo essa review de forma diferente, eu realmente fiquei surpresa, quer dizer, eu já esperava, mas não imaginava, que sim, foi o Red quem contratou o Tom para entrar na vida da Lizzy, o motivo, eu não faço ideia, mas acredito que descobriremos no próximo episódio, intitulado 'Tom Keen'. Nem preciso comentar que já estou roendo as unhas de curiosidade né.

Falando um pouco do Major, eu demorei um pouco para liga-lo ao Tom e ao Red, ainda mais quando o Red mandou o Cooper sequestrar aquele Ministro, foi só quando ele falou do Ministro estar disfarçado, foi que eu me dei conta de que o Major era o homem que ajudou o Tom, na época Jacob, a fugir e que também foi ele o responsável por treinar Tom para ser o que é hoje. Coitado do homem, quando viu que tudo se tratava do Red quase teve um infarto, ninguém quer estar contra o Red, ainda mais um alguém que indicou o homem que 'cuidaria', 'vigiaria' ou seja lá o que Tom foi contratado para fazer, da protegida do Red. Sim, protegida, porque se ninguém confirma se ela é ou não filha dele, ao menos protegida ninguém pode negar que ela é. E por fim, o Major não teve muita escolha se não contar ao Red onde o Tom estava. Espero que não matem o Tom, embora ele não seja meu personagem preferido, ele é um bom personagem.

E, finalmente chegando a Lizzy, que novamente brilhou nesse episódio, só eu achei que, mesmo
perante ao Juiz e devendo falar toda a verdade e somente a verdade, sob pena de ser presa, a Lizzy não deveria ter contado tudo o que contou? E, novamente, só eu achei que o tal Juiz tem algo haver com o Fulcro? Porque, se vocês repararem, quando o Cooper entra para responder algumas questões, o Juiz esta bem louquinho para que ele incrimine a Lizzy, e é ai que aparece um tipo de anagrama, ligando a Lizzy, Red, Fulcro, Berlin e tal nas anotações do Juiz. Sei não viu, mas pra mim, esse Juiz ta de arte, e acho que o veremos muito em breve e que não vamos gostar de quem ele realmente é... Falando um pouco das lembranças da Lizzy, eu gostei bastante de rever algumas cenas da primeira temporada, e sinceramente, eu não achei que isso foi encher linguiça, achei que deu uma linha a temporada, que estava apresentando casos muito perdidos e tal. Foi uma forma de esclarecer onde cada coisa estava sem nos dar realmente nenhuma resposta. Mas a cena que eu mais gostei, foi quando o Juiz começou a duvidar do que a Lizzy estava falando e foi sarcástico com ela, então ela educadamente - ou não - cuspiu umas boas verdades na cara dele, terminando com aquele "Nossa, eu sou uma droga!". Adorei ver a cara de sem graça dele, a escrivã dando aquele risinho me representou naquele momento. Gostei também da Lizzy ter conseguido se defender, e com uma boa história, da acusação de assassinato, mas como algo tinha que dar errado, aquele maldito detetive tinha de encontrar mais evidencias que colocam a Lizzy no barco na hora em que o policial foi morto. Serio, que carinha mais chato, ai se dá mal no final e não sabe porque. Eu sei que ele está fazendo o trabalho dele, e que Agentes do FBI não devem ser mais do que ninguém, mas por favor né, na serie, eu poço torcer pro Red, mesmo ele sendo 'do mal', então, cai fora de uma vez seu detetivezinho chato! 

Finalizando, mesmo que eu já tenha comentado mais acima, Dembe, você é, definitivamente, o cara mais sensato e esperto dessa serie. Vamos lá Red, logo a Season Finale está ai - tá nem tão logo assim, mas vamos lá, eu quero respostas - e você ainda não contou esse tudo à Lizzy. Ta esperando o que meu amigo, a menina estar prestes a morrer, de novo? Vai lá e conta tudo pra ela e de quebra pra gente também...

Bem, por hoje é isso, espero que tenham gostado, não deixem de comentar e tenham um ótimo final de semana *-*

Segue a promo do 2x16




0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...