27 de mar de 2016

Review - Supernatural S11E16 - “Safe House”


Supernatural está de volta, mas se achavam que teríamos alguma novidade sobre Amara ou Cas, ou como queiram Lúcifer na casca de Cas, vamos ter que aguardar.
O que tivemos foi nossos meninos em mais um caso comum ou digamos incomum.
Naoki Himura está com a filha em como depois que ela foi atacada por uma entidade que deixou como pista a marca de sua mão. Ninguém quer acreditar nessa história afinal sua filha Kat disse ter ouvido passos e não havia mais ninguém na casa. 
Sam e Dean ao chegar na casa são abordados pela vizinha que curiosamente pergunta o porque do FBI está ali novamente pois anos atrás dois agentes já a visitaram. 
Ou seja Bobby e Rufus. Na verdade Rufus pediu a ajuda de Bobby em um caso. 
O Apocalipse estava batendo à porta e Rufus pediu ajuda de Bobby para um caso comum.
Diante disso Sam e Dean vão procurar alguma informação no diário de Bobby que está no carro e checar a história da casa. Além disso vão ficar hospedados no mesmo hotel e quarto para dar sorte.
Houve duas mortes na casa, um cara engasgou com um osso de frango e um outro um cara matou a esposa. 
No diário de Bobby não há nada escrito  a não ser a citação de que ele e Rufus estiveram por lá. 
Ele nunca concluiu a descrição da caçada. O que encontraram, o que caçavam e como terminou.
Sam e Dean confirmam que Bobby e Rufus escavaram os ossos dos dois mortos e queimaram. Mas que há algo a mais do que simples espíritos ou fantasmas.
Relembrar Bobby falar sobre o Apocalipse, dele ter ficado acordado procurando como impedir, já que Sam e Dean estavam bem no meio dele foi ótimo. 
Ainda mais que  ele estava preocupado com seus meninos. 
Naoki é atacada ao voltar para casa e entra em coma. 
Sam e Dean encontram Dra. Richards, aposentada que diz que isso já havia acontecido antes com os Hendersons. Os sinais vitais foram caindo e no dia seguinte acordaram.
Sam e Dean encontram um sigilo diferente desenhado na parede da casa. 
Depois de pesquisar  encontram relacionado com um devorador de almas.  Mortos vivos que se alimentam de almas. 
Existem em um lugar entre o nosso mundo e o outro. Um devorador de almas invade uma casa e faz um ninho de acordo com a lenda. " Um lugar que existe fora do tempo e do espaço." O ninho e igual à casa em que o Devorador de Almas está. 
Os Homens das Letras acharam um jeito de matar um devorador de almas através de  um sigilo mais complicado, com sangue, corta a mão e pinta o sigilo dentro da casa enquanto o mesmo desenho é feito dentro do ninho. O que significa que um deles tem que estar lá.
Dean não quer saber de ser quem vai para dentro do ninho, mas acaba perdendo no joguinho de mãos. 
Já dentro do ninho Dean  encontra Kat. Mas lá tudo mexe com a cabeça e ele acaba tendo visões de Sam morto.
Base pronta dentro do ninho, mas o devorador domina Dean que impede Sam de terminar o sigilo. 
Sam tem que lutar com Dean fora para terminar sua parte. Ante de Dean voltar à realidade ele consegue ver Bobby. 
Se foi como diz a lenda de que " um lugar que existe fora do tempo e espaço", muita coisa podemos pensar a respeito desse episódio. Afinal algumas coisas muito bem não poderiam apenas serem apenas visões. 
Bobby viu Sam e Dean mortos isso seria uma deixa de um possível futuro de ambos? 
Dean viu Sam morto isso seria seu maior medo, ou um futuro próximo?  
Confesso que quando foi bem interessante essa forma de trazer Bobby e Rufus de volta em um episódio, sem ter que usar de rituais de espíritos, não acham?

Promo Próximo Episódio
Episode 11.17 - Red Meat











0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...