21 de mai de 2016

Review - Supernatural S11E22 “We Happy Few”

O tempo está ficando curto e fazer com que Lúcifer e Chuck se entendam não é uma tarefa fácil.
Sam e Dean estão tentando fazer o "meio de campo" e a tarefa é complicada, com direito ao famoso estalar de dedos de Lúcifer. 
Sorte a deles que tem Chuck para protegê-los e controlar os poderes de Lúcifer senão todos nós sabemos o que acontece.
O mais engraçado de se ver é que Lúcifer parece aqueles adolescentes rebeldes que se trancam no quarto, ligam o som nas alturas até que o pai vá lá pedir desculpas.
Crowley está querendo retomar o poder do Inferno novamente já que Lúcifer está desaparecido, mas não é levado a sério já que todo mundo sabe que a Escuridão vai acabar com tudo.
Acho que Crowley ficou desmoralizado depois que Lúcifer o fez limpar o chão com a própria língua e os demônios não o estão respeitando. 
Sam e Dean tem o prazer de comerem panquecas feitas por Chuck.Sim Deus sabe cozinhar, mas pelo jeito ele não está a fim de dar um pedido de desculpas para Lúcifer.
Rowena se encontra com Clea, uma bruxa. Ela quer ajuda para fazer um feitiço.
O feitiço é magia do Livro dos Condenados que pode reerguer as bruxas, dar a elas mais alguns séculos de vida, atrasar o relógio para as duas antes do mundo dizer adeus. Ela diz que esteve frente a frente com a Escuridão e não só o fim do Céu e do Inferno, mas o da Magia. Fazem um acordo envolvendo antiguidade Grega. 
Lúcifer e Chuck tentam conversar novamente, sentados frente a frente e  Sam e Dean estão vendo como é a discussão de um filho com um pai que é Deus.
A melhor da conversa acontece quando é somente Chuck e Lúcifer. 
Chuck abre o coração ao dizer que errou pois  deveria amar todas as criações sem ter favoritos. Lúcifer era o seu favorito e por isso lhe deu a Marca porque era o filho que mais amava, porque achou que fosse forte o suficiente para carregá-la. E quando viu que estava errado, quando viu a escolha que tinha feito devorar o filho mais querido se odiou, então o puniu. 
Sendo assim Lúcifer e Chuck se entendem e vão prender Amara novamente na caixa.  Amara sempre esteve presa por bilhões de anos, mas sempre esteve lá. tipo yin e yang, escuridão e luz. Há uma harmonia, um equilíbrio no Universo. A luz precisa da Escuridão, e a Escuridão da Luz. Se acabar com uma delas então não seria uma coisa boa. Algo como o "fim da realidade". 
Dean quer o fim de Amara. Mas será que ele realmente sabe o que vai conseguir fazer quando for a hora decisiva?
Mas para isso precisam do time original, formação combinada. Lúcifer e os irmãos para enfraquecer Amara antes de Chuck colocá-la na caixa. Miguel não está em condição de lutar, está fora do poder de Chuck trazer Gabriel e Rafael de volta. É complicado e não tempo para isso. 
Confesso que nessa parte ficou meio estranho, afinal ele não é Deus? Todo poderoso? Enfim na minha concepção eu acredito que pudesse de um tudo, mas...
Então, o que vão ter para substituir poderes de Arcanjo? Encontrar mais Mãos de Deus? Também não. 
Resta então formar uma nova equipe. Juntar Crowley, Anjos e Rowena. 
Até Crowley anda vendo Game of Thrones. =))
Bom parece que profetas não costumam durar por muito tempo. Donatello teve seu fim nas mãos de Amara, que descobriu que Chuck está no Kansas, mais precisamente no bunker. 
Como não ficar com o coração na mão a hora que ela apareceu por lá. De tipo, ela vai destruir todo o lugar, a casa dos meninos e todo o acervo dos Homens das Letras.
O plano de Sam e Dean, Lúcifer, Crowley e Rowena e Chuck é enfraquecê-la, pegar a Marca de Amara e trancá-la.
Sam se voluntariou a carregar a Marca, causando claro a revolta de Dean. 
O plano começa com o ataque de Rowena e o Coven de Bruxas, depois com os Anjos, os demônios e Crowley.
Por último Lúcifer e Chuck fica somente com uma discussão de relação. 
Decepcionante não acham, afinal acho que a gente esperava assim pelo menos uma briga entre Chuck e Amara antes dele começar a retirar a Marca de Amara e passar para Sam.
Estava sendo fácil demais, ela só estava esperando a hora certa para atacar um a um. Pelo jeito Lúcifer se foi.
E agora Deus está morrendo, ele se apagará e irá definhar rumo ao nada, não antes de ver tudo que criou virar cinzas.
Rowena viu alguma coisa se aproximando, mas o que será? E o que aconteceu com Crowley? 
Sem Deus, Sam e Dean conseguirão prender Amara?

Promo Próximo Episódio
Episode 11.23 - Alpha and Omega - Season Finale















0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...