29 de jan de 2017

Review| Supernatural S12E09 “First Blood”

Ei Hunters estamos de volta pós hellatus de final de ano!!!
Na Mid Season Sam e Dean, com ajuda de Cas, Crowley e Rowena conseguiram enviar Lúcifer de volta para a jaula. Será? Visto que foi fácil demais. 
Se bem que com o artefato emprestado por Sr Ketch e os Homens das Letras britânicos nada é impossível. 
Castiel deixou que Kelly Kline fugisse com o filho de Lúcifer na barriga. Ou seja agora eles tem um Nefilim para se preocupar. 
Mas não antes de sairem de uma grande enrascada. 
Sam e Dean foram presos acusados de tentativa de assassinato dos presidente dos Estados Unidos. 
Puxando a ficha de nossos meninos, temos que o FBI começou a investigá-los em 2007, por assalto, assassinato, várias acusações de profanação de cadáver. 
Os mais procurados pelo FBI em 2011, morreram em um tiroteio com a polícia em Ankeny, Iowa, é o que diz, mas aparentemente não. 
Kelly Kline, assessora presidencial não se sabe a respeito. 
Mick Davies reporta ao que tudo indica aos chefes dos Homens das Letras que o contato com os caçadores americanos tem sido difícil. 
E Tony gente? Por onde anda? Depois daquele começo nada agradável praticamente não ouvimos mais falar dela...
Cas conta para Mary sobre a prisão dos meninos e os dois praticamente não chegam a lugar algum trocando acusações e culpas. 
Ele vai até Crowley pedir ajuda já que ele tem espiões, influencias. Mas ele se esquiva e até que ele tem razão quando diz que tem pena de quem esteja com Sam e Dean e quando  menos esperar eles estarão de volta. 
Alicia, filha de Asa liga e fala com Mary, sobre estar trabalhando em um caso em Lousiana. Pensaram que fosse um lobisomem do sul, mas é uma alcatéia. E estão precisando de ajuda. Assim Mary decide ajudar. 
Sam e Dean depois de seis semanas presos, aparecem mortos em suas celas e são retirados de lá para autópsia. 
Mas logo voltam a vida. Como? 
Tentam descobrir onde estão, mas o lugar não deve existir e está no meio do nada.
Eles ligam para Cas pedindo ajuda que pareceu perdido até passar a informação para Mary. 
Sam e Dean acostumados a caçarem, agora tem os papéis invertidos, estão sendo caçados na floresta. 
Sertá que Cas teve uma boa ideia chamar como reforço Mick e Sr Ketch?
Eles querem ajudar porque querem fazer amigos caçadores americanos e como a aproximação tem sido complicada, ajudar os Winchester pode ser que os ajude nisso. Afinal tecnologia eles tem de sobra. Mas e depois não vão querer cobrar esses favores?
Onde Sam e Dean estão é chamada Unidade 94. Uma unidade governamental fora dos registros, operações secretas, um desses lugares que oficialmente não existem. 
O comandante da operação, Sanches não esperava que caçar Sam e Dean fosse tão complicado.  E que Dean fosse tão durão assim. 
Para piorar anoitece, começa a chover, e Sam e Dean encontram uma casa abandonada com várias coisas que eles podem utilizar como armadilhas. 
Dito e feito, Sanches e seu pelotão se deram mal e como não vibrar quando ouvimos " Somos os caras que salvam o mundo."?
Como é bom ver reencontros entre amigos e mãe com seus filhos não é mesmo?
Como sempre Mick e Sr Ketch tem uma forma muito diferente de tratar as testemunhas inocentes. O que Sam e Dean discordam. 
Dean para sair da prisão só havia um jeito e fez então um chamado, Billie. Morreriam e voltariam mais uma vez, mas quando fosse meia noite, um dos Winchester morre permanentemente. 
Mary então diz que ela vai já que ela também é uma Winchester. 
Cas mata Billie e faz uma declaração que acho deixou todo mundo estático. 
Enfim agora resta saber que consequências isso vai trazer afinal foi quebrado um pacto de sangue e mesmo Cas sendo um anjo isso poderia ter acontecido? Sem a Morte, havia somente Billie ceifando, e agora vai ter quem?
Como assim Mary está propensa a ouvir a proposta de Mick?

Promo Próximo Episódio
Episode 12.10 - Lily Sunder Has Some Regrets











0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...